domingo, 16 de outubro de 2011

O Caçador de Pipas



Já há algum tempo que eu não lia um livro assim tão bom. Uma história tão bem contada que me envolveu e me fez devorar 360 páginas em coisa de dois dias.

Este livro, não sendo um dramalhão desmesurado, faz marejar qualquer par de olhos. Não sei por quê, mas tenho uma predileção por ler histórias tristes.

Acho que tem a ver com isso: eu sento ali no meu cantinho, no meu mundo, com o meu livro e aproveito o gancho que o autor me dá para botar para fora todas as lágrimas acumuladas. A minha catarse particular.

Vi o trailer do filme (que já é de 2007) e foi o suficiente para me fazer derramar ainda mais lágrimas. Talvez eu esteja perto "daquela" altura do mês. Mas acho que vou preferir nem ver. Não pude deixar de reparar em alguns "erros" e eu sou aquele tipo de leitora chata que sempre se decepciona com os filmes.

3 comentários:

Larissa Bohnenberger disse...

Então aceita minha sugestão: não veja o filme. Ele não chega aos pés do livro, deixa muito a desejar!

Li o caçador de pipas logo que foi lançado. Comprei na feira-do-livro aqui em Porto Alegre. Devorei, assim como você. Um dos meus bebês preferidos, até hoje!

Bjs!

Lilith disse...

Eu li este livro já faz algum tempo...e chorei do começo ao fim...uma história encantadora!
Também sou como vc...me decepciono com os filmes (e com este não foi diferente)...bjus.

littlemarininha disse...

Esse está entre os melhores livros que eu já li e entre as adaptações em filme mais decepcionantes da história. Na minha opinião, claro. Se quer uma dica, não assista o filme. É parado, xoxo. O livro é bom demais.