domingo, 26 de agosto de 2007

Não se revele

Mais um texto mimimi. Ultimamente tenho me sentido assim... Fazer o quê?!

Quero te conhecer, mas não se revele por completo. Quero preservar aquele bocadinho em você que é só teu. Não me diga seus defeitos todos, eu descubro com o tempo. E eu vou amar você por inteiro, e suportar teus espinhos, e contornar os problemas.

Eu tenho medo de te conhecer demais. E conviver e saber tudo sobre você. Ao ponto de não precisar falar. O olhar que já diz tudo, as reacções que você antecipa, a falta de surpresa... Isso me assusta.

Gosto de não saber. E buscar nos olhos uma resposta, na boca as palavras, nas mãos um gesto... Eu quero imprevisibilidade. Quero me angustiar imaginando teus pensamentos. Mesmo sem palavras, quero falar com o teu olhar.

Não me leve a mal, eu também adoro a química que existe quando você termina uma frase que eu começo, quando você já sabe o que eu vou pedir no restaurante e quando você dá colo porque já sentiu minha carência. A gente nem precisa dizer nada porque o olhar falou por nós.

Custa-me imaginar que, um dia, posso olhar para você e ver um vazio. Um rosto sem expressão. Eu falo muito, e falo atabalhoadamente, jorros de palavras que parecem não ter fim. E você ouve, se interessa, questiona... E, se um dia, isso acabar? Você cansar de me ouvir, as palavras secarem, gestos que são automáticos, respostas prontas...

E se, um dia, eu enjoar do teu cheiro? Se eu já não quiser sentir o perfume que fica naquela dobrinha no fim do pescoço? Tenho medo, sabe? De ver vazio no olhar, de só conhecer o teu silêncio, não conseguir interpretar teus gestos.

Por isso, guarde seus segredos. Naquela caixinha no fundo da memória. Não misture o seu eu com o "nós". Não se perca nem se esvazie. Vamos deixar que o nosso amor seja composto de 3 pessoas: Tu, eu e nós. E os 3 vão ser muito felizes juntos

7 comentários:

Felipe disse...

Ótimo Blog! =]

Depois da uma passadinha no meu:

www.informaticablogs.blogspot.com

Sócio disse...

Adorei o texto. muito bem escrito
beijo

meg disse...

E os 3 vão ser muito felizes juntos, com fé em Deus!

Beijos

Fábio C. Martins disse...

É.. o mistério sempre acaba, e quando acaba, pronto, está lá dois estranhos.

Uma vez eu ouvi o seguinte:
"Não mude quem você é, pois é por essa pessoa que nos apaixonamos".

Beijos

Jéssica disse...

Nossa!
Adorei! Você escreve muito bem!
Vou correndo mostrar teu blog pra um certo alguém! É simplismente tudo que queria falar pra esse alguém!

=D

Tyler Bazz disse...

Hey.. eu gostei..
A idéia do "casal em três" é bem boa mesmo...

parabéns!

Cih disse...

Q lindo o post!Mto bom!Bjos

http://cihlima.zip.net